segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Segundo (poemas da infância) de Manuel da Fonseca lido por António Ramos Rosa


Ver aqui, no blogue de Gisela Ramos Rosa.

3 comentários:

Andante disse...

:)

Gisela Rosa disse...

Obrigada Inês!

Um abraço!

Anónimo disse...

emocionado e emocionante

muito obrigado pela partilha

pierre sauvage