quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Poesia em Vila Praia de Âncora

No próximo dia 12 de Outubro, pelas 22 horas, terá lugar na Livraria Pára e Lê, em Vila Praia de Âncora, a apresentação dos livros mais recentes de Cláudio Lima e Carlos Poças Falcão (editados pela Ópera Omnia), com a presença dos autores.






Cláudio Lima
, residente na cidade de Braga, é um autor originário de Ponte de Lima, tendo nascido na Freguesia de Calvelo em 1943. Iniciou-se desde muito cedo nas lides literárias, dividindo-se a sua produção pela Poesia, o Conto, a Crónica, a Crítica Literária, a Diarística e o Ensaio.
Entre outros títulos, é autor dos livros:
- "A Foz das Palavras" (poesia)
-"Por aqui não é passagem" (contos)
-"Itinerarium I" (poesia)
-"Itinerarium II" (poesia)
-"Os morros de Nóqui" (contos)
-"Um rio de muitas luzes" (ensaios)
-“Itinerarium III” (poesia).
Está representado em várias antologias e outras obras colectivas, das quais destaca, nos últimos anos: Cancioneiro do Rio Lima; Timor – do Poder das Armas à Força do Amor; Histórias para um Natal; Neruda, Cem Anos Depois; Leiamos! e In Memoriam de Agostinho da Silva.









Carlos Poças Falcão
nasceu em Guimarães, em 1951. Licenciado em Direito na Universidade de Coimbra, exerceu durante alguns anos a advocacia, que abandonou para dedicar-se à docência e à escrita.
Tem publicados os seguintes livros:
- "O Número Perfeito" (edição do autor, Guimarães, 1987);
- "O Invisível Simples" (Limiar, Porto, 1988);
- "Rotações" [com António Ramos Rosa e Agripina Costa Marques] (Cadernos Solares, Lisboa, 1991);
- "Três Ritos" (Pedra Formosa, Guimarães, 1993);
- "Movimento e Repouso" (Pedra Formosa, Guimarães, 1994);
- "Sinais" [edição bilingue portuguesa-finlandesa, com fotografias de Markku Niemenlehto] (edição de autor, Guimarães, 1998);
- "A Nuvem" (Pedra Formosa, Guimarães, 2000);
- "Coração Alcantilado" (Opera Omnia, Guimarães, 2007).
Tem colaboração dispersa por numerosas publicações e revistas literárias.

A Livraria Pára e Lê fica na Rua 31 de Janeiro, 47-A (Vila Praia de Âncora).

1 comentário:

Luís Graça disse...

Os encontros poéticos "Primavera em Lisboa" (CML/ Casa Fernando Pessoa/Pen Clube) estreitaram os meus laços com o Firmino Mendes e o Carlos Poças Falcão. Ao ponto de me terem confundido com o Carlos, também um cavalheiro de pera respeitável.